Postado no dia: 03/02/2011 Por: mcria Em: Designer

Texto baseado no artigo How to Create a Resume – Perfect Guide for Designers”, do blog Designzzz.

O currículo é muito importante para qualquer profissional, inclusive para os designers. Ele pode chegar a ser até mais importante do que o seu próprio portfólio. Para os designers, a redação de um currículo pode ser um pesadelo. Quando você for fazer o seu currículo, lembre-se: ele é o trailer e você é o filme. Não faça currículos longos, faça apenas um resumo das suas qualificações. Neste artigo, vamos dar algumas dicas baseadas no artigo original (em inglês) citado acima.

.

O que escrever

Informações de contato

Bem, não é necessário lembrá-lo de que você precisa colocar as suas informações de contato no seu currículo. Mas também lembre-se de colocar “Designer Gráfico” próximo ao seu nome. Alguém que pegar o seu currículo mais tarde, e não se lembrar de você, vai precisar saber de quem é aquele currículo.

Objetivo

Este é o item que definirá a sua personalidade e o seu comprometimento com a empresa, para possíveis empregadores. Então, escreva o seu objetivo da maneira mais profissional possível.

Experiência

Este é o item mais valioso em um currículo. Ele mostrará o quão bom ou ruim você é quando está fazendo um trabalho. Então, se você tiver uma ótima experiência, coloque-a em destaque no seu currículo.

Educação

Se você não tiver uma grande experiência na área, então o destaque no seu currículo deve ser a sua educação.

  • Seus diplomas
  • Datas de quando conseguiu aqueles diplomas e qualificações
  • Faculdades as quais frequentou
  • Localização das faculdades que frequentou
  • Diplomas ou cursos adicionais (se houver)

Capacidades

Também conhecidas como Pontos Fortes. Este é o local do seu currículo onde poderá escrever livremente. Mas lembre-se: tente não parecer que está se elogiando demais.

Habilidades com programas de computador

Simplesmente liste os programas de computador (softwares) que você sabe usar.

Prêmios

Este não é um item necessário, mas se você ganhou algum prêmio, inclua esta informação no seu currículo. Os empregadores também gostam de profissionais que são membros de comunidades de design e organizações.

Interesses

Também podem ser chamados de hobbies. Escreva algo que reflita a sua personalidade. Sua personalidade será definida pelos seus hobbies e interesses.

Como fazer o design do currículo

Papel

Este é um item básico e que a maioria das pessoas esquecem, o papel. Se você é um designer, o seu currículo deve ser memorável e, acredite ou não, o papel tem uma importância muito grande nisso.

Layout

Um pouco intrigante. De acordo com algumas pessoas, o currículo de um designer NÃO deve ser feito no Microsoft Word. Mas, vista que as empresas normalmente recebem apenas currículos neste formato, tente fazer algo mais dinâmico. Use grades ou outros tipos de estilos, mas não exagere.

Tipografia

De acordo com profissionais, um designer não deve usar em seu currículo fontes como Times New Roman, fontes de estilos antigos e fontes muito utilizadas.

O que não fazer

Mentir. Isso sempre te coloca em problemas, então não minta sobre nada.

Escrever um objetivo genérico demais no topo do currículo.

Citar um interesse ou hobby o qual pode demonstrar ao empregador que você não é uma pessoa que trabalha muito duro.

Não escreva nada que possa ser ofensivo a alguém. Tente ser política, moral e legalmente correto, sempre.

Gostou do artigo? Concorda com os itens citados aqui? Deixe o seu comentário.

Saudações e bom trabalho!

Texto retirado do Blog BrasilGraf

(21) 3678-7739