Postado no dia: 27/03/2014 Por: AutorMC Em: Internet


O Google permite que usuários do Gmail testem recursos experimentais que ainda estão  sendo aperfeiçoados até chegarem em suas versões finais – ou nunca chegarem, caso sejam um fracasso. Qualquer pessoa que tem uma conta no serviço de e-mail da gigante de buscas pode usar os apps do Gmail Labs, o laboratório de “coisas malucas e experimentais”, de acordo com o próprio serviço online.

O Google ressalta que ao usar itens do Labs, o usuário deve saber que, por ainda não estarem prontos para serem lançados, os recursos podem apresentar falhas, serem alterados ou mesmo desaparecer sem qualquer aviso prévio. Ao utilizar as funções experimentais, o usuário tem acesso em primeira mão às novidades no serviço de e-mail da companhia. Confira a seguir como habilitar os testes nesses apps.

Passo 1. Acesse a sua conta do Gmail;

Passo 2. Na tela inicial do e-mail, vá até o ícone de engrenagem e clique em “Configurações”;

Passo 3. Dentro do menu de Configurações, vá para a aba Labs;

Passo 4. Na aba Labs, você vai ver diversas opções de recursos para serem testados. Estão todos desativados. Para ativá-los, basta apertar “Ativar” e depois em “Salvar alterações”.

Entre os recursos disponíveis para testes existem alguns curiosos, como os listados a seguir:

Várias caixas de entrada: O recurso permite adicionar listas extras de e-mail à caixa de entrada para visualizar mais de uma gaveta de e-mail ao mesmo tempo.

Cancelar envio de uma mensagem: Sim, essa opção existe no Labs. Caso a pessoa clique em “enviar” antes da hora e notar segundos depois, consegue cancelar o envio do e-mail.

E-mail dos preguiçosos: É possível criar mensagens pré-determinadas e salvá-las. Então, para enviar os textos criados previamente, basta apertar um botão ao lado da opção “Escrever” para agendar.

SMS pelo Gmail: Permite mandar mensagens de SMS através do bate-papo do Gmail.

Visualizações do Google Maps: Nesta opção, o Gmail mostra as visualizações do Google Maps para os endereços existentes em um e-mail.

Fonte: Tectudo

(21) 3678-7739